e62 3229-2610
d

Notícias

Entidades reagem contra veto à abertura de farmácia aos domingos

Publicado em : 20/11/2023

Fonte : Panorama Farmacêutico -

Entidades setoriais do varejo farmacêutico reagiram à portaria nº 3.665/23, que proíbe a abertura de farmácia aos domingos e feriados. A mudança estabelece que os funcionários do setor só poderão trabalhar nesses dias com autorização negociada em convenção coletiva formalizada entre patrões e empregados.

Segundo Francisco Rodrigues, diretor-executivo de Coordenação Técnica e de Comitês da Abrafarma, não parece que a Lei 10.101/2000, que trata do comércio em geral, se aplique ao varejo farmacêutico, uma vez que a farmácia atualmente é estabelecimento de saúde e não comércio puro e simples que necessite de acordo sindical para funcionar.

“Militam a nosso favor as regras especiais previstas no artigo 56 da Lei 5.991/73, Lei 13.021/14, Lei 7783/89, que reconhece a farmácia como atividade essencial, dentre outras. Nessa linha, não é crível que se possa proibir a abertura de farmácia no feriado, bastando lembrar o que aconteceu durante a pandemia de Covid-19, que considerou a farmácia como atividade essencial”, ressalta.

Parecer sobre a abertura de farmácia aos domingos

Já o Sincofarma SP e a Abcfarma publicaram um parecer em conjunto em reação à proibição de abertura de farmácia aos domingos e feriados. A nota foi assinada nesta sexta-feira, dia 17, por Rafael Oliveira Espinhel, presidente executivo da Abcfarma, e André Bedran Jabr, segundo vice-presidente do Sincofarma.

De acordo com ambas as entidades, as farmácias têm especificidades que as distinguem do comércio em geral. “A Lei Federal nº 5.991, de 17 de dezembro de 1973, que dispõe sobre o controle sanitário do comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos, e dá outras providências, define em seu art. 56 que tais estabelecimentos devem manter o atendimento ininterrupto à comunidade”, diz a nota.

As farmácias, conforme definido na Lei n. 13.021, de 8 de agosto de 2014, são unidades de prestação de serviços de assistência à saúde, devendo ser entendida como um posto avançado de atenção primária à saúde.

“Assim, como parte do sistema de saúde, as farmácias desempenham um papel importante na dispensação e fornecimento de medicamentos, administração de medicamentos, incluindo as vacinas e serviços de saúde ao público, de modo que é imprescindível garantir o exercício contínuo destas atividades.

Por consequência lógica o papel social atual das farmácias e dos farmacêuticos não pode ser equiparado com os realizados pelos demais comércios (registre-se, que possuem grande relevância) não sendo razoável, portanto, a sua equiparação a fim de justificar a restrição quanto ao seu pleno funcionamento”, continua o parecer.

A nota conclui afirmando que “a restrição do exercício da atividade ou seu condicionamento às farmácias representa manifesta ofensa ao direito à saúde e à vida, previstos nos arts. 196 e 5º, caput, da CF, visto que tem o potencial de impedir o acesso a medicamentos e à assistência farmacêutica à população.”

por  Ana Claudia Nagao

Foto: Canva

 

Notícias

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

14/06/2024 Sincofarma Goiás

Informativo às empresas representadas pela CCT Sincofarma-Go / Seceg

13/06/2024 Sincofarma Goiás

Fabricante alerta para falta de insulina a partir de julho

07/06/2024

INFORMATIVO

29/05/2024 Sincofarma Goiás

Anvisa aprova Sistema Nacional de Controle de Receituário

28/05/2024 Anvisa

Medicamento zolpidem terá alteração no tipo de receita para prescrição e venda

16/05/2024

ATENÇÃO! É EXCLUSIVA AO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL A RDC 865/2024 QUE AUTORIZA VENDA E DOAÇÃO DE ALCOOL 70% NA FORMA LÍQUIDA.

15/05/2024

PARCERIA SINCOFARMA GOIÁS E SOLO UNA ARQUITETURA

13/05/2024 Sincofarma Goiás

Reduza os custos operacionais da sua empresa com o BSF

13/05/2024 Benefício Social Familiar

Anvisa esclarece fake news sobre entrega de medicamentos no RS

09/05/2024

Álcool líquido 70%: prazo para esgotamento de estoques se encerrou em 29 de abril

02/05/2024 Anvisa

DET é obrigatório para Simples Nacional e MEI a partir de maio

30/04/2024

COMUNICADO IMPORTANTE

30/04/2024 Sincofarma Goiás

Imposto sobre medicamentos será isento para 383 produtos

25/04/2024

SCMED lança painel para consulta de preços de medicamentos

25/04/2024 Anvisa